Palavra do dia 31/01/2020 – Por que as crises?

 

 

O SENHOR dos Exércitos está conosco; o Deus de Jacó é o nosso refúgio. Salmos 46:7

 

Por que as crises?

 

Crises são oportunidade de experiências maiores com Deus… Crises nos fazem enxergar melhor quem somos, quais são as nossas limitações, nossas reações, revelam a nós mesmo a nossa estrutura mais profunda, nos mostram o que precisamos e se queremos buscar a mudança!

As crises desafiam a nossa fé e nos tiram do comodismo!

 

Deus precisou levar o povo de Judá para Babilônia para que eles despertassem, para que eles se consertassem, consertassem seus hábitos, para que eles revessem a sua fé, e pra mostrar que Deus era com eles, e que tinha um futuro brilhante para eles.

 

As Crises nos faz enxergar de um modo diferente e na maioria das vezes até mostrar quem é o nosso Deus. As Crises nos fazem enxergar que para Ele não há limites, nos mostra o tamanho do Seu amor, e os planos Dele para nós!

 

Você esta vivendo um momento de crise? Pare por um momento e aproveite essa oportunidade de ter maiores experiências com Deus, pois quando você esta fraco, ai é que você é forte, pois o poder de Deus esta se aperfeiçoando em sua fraqueza! (2 Coríntios 12:9-10)

Deus não quer ver você lutando e fazendo na sua própria força, ele quer mostrar quão grande Ele é! Aproveite!!!

 

Deus abençoe sua vida!!!!

Por: Michelle Coutinho

BLOG PALAVRA DO DIA COUTINHO

 

Nos ajude ajudar! Clique aqui!

Receba a Palavra do dia no seu Celular!Clique aqui!

Seja um Parceiro da Palavra do dia Coutinho

Clique aqui!

Se inscreva no Canal do Youtube e participe das orações!

https://youtube.com/michellecoutinho

Você precisa de ajuda em oração? Escreva para nós!

E-mail: oracaopalavradodia@gmail.com

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

12 pensamentos em “Palavra do dia 31/01/2020 – Por que as crises?”

Translate »